Revista Princípios Digital

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Discurso do camarada Stálin em 9 de maio de 1945 na vitória da URSS contra o nazifascismo capitalista

O Exército Vermelho da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), a 69 anos atrás, esmagou a besta nazifascista capitalista uma vez... Se for necessário, serão esmagados de novo...



Discurso de Stálin de 9 de Maio de 1945

"Camaradas! Homens e mulheres compatriotas!

O grande dia da Vitória sobre a Alemanha chegou. A Alemanha Fascista, forçada a ajoelhar-se pelo Exército Vermelho e pelas tropas Aliadas, reconheceu-se como derrotada e declarou sua rendição incondicional.

No dia 7 de maio, um protocolo preliminar de rendição foi assinado na cidade de Rheims. No dia 8, representantes do Alto Comando Alemão, na presença dos representantes do Comando Supremo das tropas Aliadas e do Supremo Comando das tropas Soviéticas, assinaram em Berlim o último ato da rendição, o qual foi executado às 24h do dia 8 de maio.

Sendo conscientes dos hábitos traiçoeiros dos líderes Alemães, os quais tratam acordos e tratados como apenas pedaços de papéis sem valor, não temos razão alguma para confiar em suas palavras. Todavia, nesta manhã, de acordo com o ato de rendição, as tropas Alemãs começaram a abaixar suas armas e se render em massa às nossas tropas. Isto não é mais um pedaço de papel sem valor. Isto é a verdadeira rendição das forças armadas Alemãs. É certo que um grupo de tropas Alemãs na área da Tchecoslováquia ainda persiste em lutar. Mas eu confio que o Exército Vermelho será capaz de trazê-los de volta a realidade.

Agora podemos constatar com toda a razão que o dia histórico da derrota final da Alemanha, o dia da grande vitória do nosso povo sobre o imperialismo Alemão chegou.

Os grandes sacrifícios que fizemos em nome da liberdade e da independência de nossa Pátria Mãe, as incalculáveis privações e sofrimentos experimentados por nosso povo durante a guerra, o trabalho intenso na retaguarda e no fronte, não foram em vão, e foram coroados pela vitória total sobre os inimigos. A longuíssima luta dos povos Eslavos por sua existência e independência chegou ao fim com a vitória sobre os invasores Alemães e sua tirania.

Doravante, o grande estandarte da liberdade dos povos e da paz entre as pessoas voará pela Europa.

Três anos atrás Hitler declarou para todos ouvirem que dentre seus objetivos, incluía-se o desmembramento da União Soviética, arrancando dela o Cáucaso, a Ucrância, a Bielorússia, os territórios do Báltico e tantas outras áreas. Ele declarou descuidadamente: "Nós destruíremos a Rússia para que ela jamais seja capaz de levantar novamente". Isto foi há três anos. Todavia, as idéias insanas de Hitler não estavam destinadas a tornar-se verdade - o progresso da guerra lançou-as ao vento. Na verdade, o oposto direto dos delírios Hitleristas ocorreu. A Alemanha está completamente derrotada. As tropas Alemãs estão se rendendo. A União Soviética celebra a Vitória, apesar de que não tem intenções de desmembrar ou destruir a Alemanha.

Camaradas! A Grande Guerra Patriótica terminou com nossa vitória total. O período de guerra na Europa chegou ao fim. O período de desenvolvimento pacífico começou.

Eu os parabenizo pela vitória, meus caros compatriotas, homens e mulheres!

Glória ao nosso heróico Exército Vermelho, o qual sustentou a independência da Pátria Mãe e trouxe a vitória contra o inimigo!

Glória ao nosso grandioso povo, o povo vitorioso!

Glórias eternas aos heróis que caíram na luta contra o inimigo e deram suas vidas pela liberdade e felicidade de nosso povo!"

Discurso feito em Moscou e transmitido à toda nação às 20h do dia 9 de maio de 1945.





Um comentário: